CRAMI estimula o sensível e o afetivo em oficina de culinária

Na última terça-feira, 25 de setembro, o CRAMI promoveu mais uma ação do projeto Movimento Cultural, por meio de uma oficina de culinária, em parceria com o Saberes e Sabores.

O grupo de adolescentes do CRAMI pôde vivenciar um dia dentro de uma cozinha profissional, onde prepararam o próprio alimento, sob coordenação dos educadores e do chef de cozinha Marcelo Reis. Juntos, prepararam e puderam experimentar pratos diferentes, o xixim de galinha e o bobotie, além de pudim de tapioca de sobremesa.

Na ocasião, os jovens se mostraram abertos a aprender as técnicas e se engajaram para se aperfeiçoar, prestando a atenção em todo o processo, desde o corte de legumes até a harmonização de temperos.

A atividade foi uma oportunidade potente do ponto de vista educacional, envolvendo os jovens de um jeito integral, em que puderam aprender exercitando todos os sentidos. “Foi uma experiência de estímulo do sensível. Os jovens se empenharam muito e aprenderam com os sentidos, o que tornou a oficina muito intensa mesmo, pois puderam aprender não só a cozinhar, mas também aprender sobre os próprios gostos”, analisou Paulo Silva, educador social do CRAMI.

A ação teve como efeito também a valorização do ato de cozinhar, dos sabores, e da importância do alimento. “Muitos ali nunca tinham cozinhado, e ali, puderam se atentar para o trabalho e a dedicação necessários no ato de cozinhar e o quanto isso é importante”, acrescentou Carlos Silva, educador social do CRAMI.

“A gente notou a preocupação de alguns em agradar o outro, um empenho sério para que a comida agradasse, e desse tudo certo”, observou Paulo Silva, comprovando o pensamento do escritor Mia Couto que nos diz que “Cozinhar não é serviço. Cozinhar é um modo de amar os outros”.

A atividade promovida pelo CRAMI faz parte das ações do projeto Movimento Cultural, que prevê atividades multidisciplinares, a fim de propiciar o desenvolvimento das crianças e dos adolescentes atendidos pela instituição em diversos aspectos – emocionais, sociais, cognitivos e motores.

O CRAMI Campinas exerce um papel fundamental para a garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes da cidade de Campinas. Aqueles que quiserem colaborar com os projetos, podem acessar:

www.cramicampinas.org.br/como-colaborar/.