Projeto Florescer busca fortalecer mulheres e romper ciclo de violência

O fenômeno da violência é bastante complexo e envolve uma série de fatores. O projeto Florescer surgiu para oferecer uma escuta individualizada para mulheres que estão em situação de violência, especialmente como vítimas, uma vez que precisam dar conta de uma série de demandas como chefes de família: ser mãe, provedora, administradora do lar…

O Projeto Florescer está sendo viabilizado pela Feac, através do Programa de Enfrentamento a Violências. Os encontros iniciaram no mês de outubro e a meta é atender 15 mulheres da região Noroeste de Campinas, por 12 meses, por meio de grupos com psicólogas e atendimentos individuais quando for de interesse da participante.

O objetivo é organizar a parte prática da vida cotidiana, de mulheres chefes de família, com sobrecarga emocional e material na administração da rotina, rompendo com as questões que levam estas mulheres à negligência e à opressão, fortalecendo, orientando e ressignificando cada âmbito da vida delas: afazeres domésticos, lazer, saúde, questões burocráticas, trabalho, renda e relações afetivas.