Posts

Funcionários do CRAMI participam de Fórum sobre Violência Doméstica

Parte da equipe técnica do CRAMI Campinas esteve no IX Fórum de Prevenção e Combate à Violência Doméstica e Sexual contra Crianças e Adolescentes de Indaiatuba. O evento aconteceu no dia 8 de agosto, das 8h às 13h, e foi promovido pelo CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) de Indaiatuba. Os temas abordados foram: “Escuta Especializada de Crianças e Adolescentes que sofreram ou sofrem algum tipo de violência” e “Possibilidades de Intervenção com os autores de Violência contra criança e adolescentes”.

 

Cooperativa Antonio da Costa Santos recebe informações sobre violência doméstica

Mais uma cooperativa de reciclagem foi contemplada com a palestra sobre violência doméstica, na tarde do dia 05/03. A Cooperativa Antonio da Costa Santos, localizada no Satélite Íris, recebeu informações sobre o tema da psicóloga Cristiane Vidolin. Cerca de 40 pessoas estiveram presentes.

“Foi uma tarde bastante esclarecedora. Pude explicar sobre os diversos tipos de violências, a diferença entre a urbana e a doméstica, como se configura as violências, inclusive a de gênero e contra os idosos, além de abordar o tema da violência contra a criança e o adolescente”, comentou a psicóloga. Ela ainda falou das consequências da violência em todas as fases do desenvolvimento e como repercute na fase adulta. Cristiane orientou também como denunciar essas violências e buscar ajuda.

A palestra foi uma solicitação da Unimed Campinas que auxilia cooperativas de reciclagem. Além da cooperativa no Satélite Íris, foram beneficiadas também a Cooperativa São Bernardo e a Reciclar.

Violência doméstica é tema de palestra na Cooperativa São Bernardo

Mais uma vez, a pedido da Unimed Campinas, o CRAMI ministrou palestra sobre violência doméstica na cooperativa de reciclagem localizada no bairro São Bernardo, no dia 22/02, no período da manhã. Os cooperados receberam informações sobre os tipos de violência doméstica, violência de gênero e orientações de como denunciar caso suspeitem que alguém esteja vivenciando algum tipo de violência. A palestra foi ministrada pela psicóloga Fabiana Belintani e pela assistente social Alcione Milanez. Participaram em torno de 30 pessoas.

CRAMI faz palestra sobre violência doméstica na Cooperativa Reciclar

 

Na manhã do dia 06/02, a psicóloga Cristiane Vidolin e o educador social Paulo Silva ministraram palestra sobre Violência Doméstica para mais de 30 pessoas na Cooperativa Reciclar. Os profissionais explicaram quais os tipos de violência doméstica, falaram sobre violência de gênero e orientaram como denunciar caso suspeitem que alguém esteja vivenciando algum tipo de violência. A palestra foi uma solicitação da Unimed Campinas que auxilia cooperativas de recicláveis.

Além de desenvolver um trabalho de resgate dos vínculos familiares, de modo a romper o ciclo da violência doméstica, o Crami oferece consultoria a diversos municípios por meio de capacitações, supervisões, oficinas e palestras, com o objetivo de compartilhar o conhecimento acumulado em 30 anos de atuação no tema do enfrentamento da violência doméstica.

Esta frente de atuação faz parte da filosofia da instituição que busca, além de recursos financeiros para sua existência, a prevenção da violência doméstica contra crianças e adolescentes. Para solicitar uma consultoria entre em contato pelo e-mail crami@cramicampinas.org.br ou pelo telefone 19 3251-1234 ou 3327-0612.

Crami ministra palestra sobre Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes

Com o objetivo de orientar a comunidade do Parque Itajaí, o Crami foi convidado a ministrar palestra sobre violência doméstica contra crianças e 17742131_1469236999767822_739947115_nadolescentes. A psicóloga Cristiane Vidolin e a assistente social Ana Paula Miranda estiveram, no dia 31/03, no Centro de Assistência Social Copiosa Redenção e puderam esclarecer o público sobre quais são os tipos de violência: física, psicológica, negligência, sexual; os sinais que podem ocasionar suspeita de violência e as consequências da violência para a fase pré-escolar, escolar, adolescência e vida adulta. Além disso, também abordaram como é o fluxograma de atendimento às famílias do município e o Estatuto da Criança e do adolescente.

 

Crami participa de Seminário “Família em situação de violência”

 

15085551_10209094611136614_6317706749114084970_nInstituição também contribuiu na revisão da cartilha sobre Violência Doméstica

A Comissão de Enfrentamento à Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes lançou, em seminário realizado no dia 22 de novembro, a terceira revisão da “Cartilha de orientação para o Enfrentamento do Fenômeno Violência Doméstica contra a Criança e o Adolescente”. O Crami esteve no evento que teve como tema “Família em Situação de Violência: Possibilidades e Estratégias”.

O Crami participou da terceira revisão por meio da contribuição da assistente social Elaine Nogueira, que também participa da Comissão de Enfrentamento à Violência. Além disso, a cartilha também usou como referência bibliográfica o material “O que é violência doméstica?” elaborado pelo Crami, de autoria das psicólogas Fabiana Belintani e Eliane Moraes de Camilo.

O objetivo da cartilha do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) é facilitar a abordagem do tema da violência com as famílias e orientar as ações dos profissionais atuantes no Sistema de Garantia de Direitos do município de Campinas.