Oficina de artes mostra talento de crianças e adolescentes

O Projeto Musicalidade e Arte tem acontecido somente online nesse momento e, ainda que à distância, tem produzido muitos frutos. O professor Sandro Del Pires, semanalmente, envia vídeos ensinando técnicas e incentivando crianças, adolescentes e outros membros da família a desenharem. “Está sendo muito interessante, a troca está sendo enriquecedora, de ambas as partes, estamos aguçando as sensibilidades juntos, principalmente nesse período tão complexo da pandemia”, explica Sandro. Ele afirma que o objetivo não é entrar em questões muito técnicas, mas usar as ferramentas que as artes plásticas podem proporcionar para trabalhar no lado mais criativo de cada um. Além disso, as oficinas são desenvolvidas sem a pressão de exigir a produção em determinada data e respeita o processo de cada um, o que torna mais leve. Estão participando das atividades de artes 14 pessoas.
Para viabilizar as oficinas, o CRAMI entregou kits contendo tinta, pincel, folhas, lápis, borracha e argila. “Recebo muitos feedbacks positivos, as pessoas estão interessadas e expondo as atividades. Vejo que estão bastante empolgadas e felizes com as oficinas propostas e percebo o desenvolvimento da criatividade e da imaginação de cada um. Minha função é mostrar as ferramentas e cada um usa do seu jeito”, finaliza o professor.