CRAMI Cultural 2

Em 2015, realizamos a primeira edição do projeto CRAMI Cultural, e a experiência nos mostrou a importância deste tipo de trabalho, que rompe as fronteiras de nossos modelos de atendimento, ampliando assim nossa atuação. Isso nos motivou a realizar a segunda edição em 2016 que, novamente, foi possível a partir da liberação pelo CMDCA (Conselho Municipal da Criança e do Adolescente) de recursos financeiros provenientes de impostos de renda destinados ao CRAMI.

A ideia principal deste projeto foi ofertar às famílias acompanhadas acesso a espaços de cultura e lazer para além daqueles existentes no território onde residem, ampliando assim as experiências culturais do usuário e o seu interesse por elas. Buscou-se, também, ofertar vivências por meio de oficinas de diferentes expressões e linguagens artísticas, tais como: música, teatro, literatura, artes visuais e gráficas, entre outras. Algumas destas atividades foram oferecidas apenas para adolescentes, outras delas incluíram a família como um todo, proporcionando uma experiência intergeracional.

Vale ressaltar que essa proposta também pretendeu efetivar o Art. 4º do ECA, que afirma ser

dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária”

O projeto ocorreu entre os meses de Julho e Dezembro de 2016, com a participação de cerca de 200 pessoas.

 

Lugares visitados

 

– Navegação Fluvial Médio Rio Tietê (Barra Bonita – SP)

– Thermas Water Park (São Pedro-SP)

– Zooparque (Itatiba – SP)

– Parque Estadual do Jaraguá (São Paulo – SP)

– Parque do Ibirapuera (São Paulo – SP)

– Centro de Treinamento do Corinthians (São Paulo – SP)

– Teatro Commune (São Paulo – SP)

– Teatro Brasil Kirin (Campinas – SP)

– Parque Taquaral (Campinas – SP)

– Pedreira do Chapadão (Campinas – SP)

– Instituto Toloji (Campinas – SP)

– Fazenda Roseira (Campinas – SP)

– Fazenda do Chocolate (Itu – SP)

 

Oficinas

Temáticas

Elementos da natureza (construção do mundo), Identidade africana, Identidade e Corpo, Projetos de vida, Juventude, adolescência, cultura, educação popular, espaços culturais, arte.

 

Estratégias metodológicas:

Contando história (Abaiony)

• Construção da boneca de pano

• Roda de capoeira (prática)

• Quem sou eu? (Literatura Marginal)

• Jogos teatrais (imagem e ação)

• Construção de Fanzine

• Grafite e estêncil

• Composição e escrita

• Customização de camiseta

 

Metodologias em arte educação:

Arte urbana

• Música

• Teatro

• Literatura Marginal

• Capoeira

 

A expectativa do Crami era de que este projeto pudesse qualificar o atendimento aos usuários, o processo de vinculação destes com o serviço, além de favorecer a convivência familiar e comunitária dos assistidos. Apostamos também que este dispositivo de trabalho pudesse trazer benefícios à nossa equipe, favorecendo a interação entre seus membros, agregando repertório técnico e fortalecendo o caráter colaborativo entre o grupo de profissionais.

Deixe um comentário